28 de abr de 2010

Ajude a salvar a vida de pacientes que precisam de doação de medula óssea.

Como comentário de minha postagem intitulada "Thaiana", recebi o convite a seguir e reparto-o com você. Ah! Pode convidar outras pessoas, ok?

"Ajude a salvar a vida de pacientes que precisam de doação de medula óssea.
Procure um hemocentro ou o INCA e faça o cadastro de doador voluntário de medula. Basta preencher uma ficha e doar 5ml de sangue para testes. Divulgue essa ideia e conscientize as pessoas. Lembrando que os interessados devem ter boa saúde e idade entre 18 e 55 anos. Saiba mais aqui: http://bit.ly/bOqRS0
Para mais informações: fernanda.scavacini@saude.gov.br
Ministério da Saúde"

27 de abr de 2010

Thaiana

Thaiana era uma jovem como muitas outras. A diferença é que ela era minha prima em segundo grau, era jovem... e tinha leucemia. Viveu, chorou, riu, amou, foi amada. E lutou o quanto pode. A ela agradeço por me abrir os olhos e o coração para a necessidade do cadastramento de doação de medula óssea. Não a conheci pessoalmente, não sabia nada sobre ela, mas tive uma enorme vontade de ser seu doador de medula, e dar-lhe mais um tempinho por aqui, ao descobrir que havia esta chance. Uma, em cem mil.
Não deu, ela se foi no último final de semana.

Fiquei bem frustrado, esperava um "final feliz", mesmo que não fosse eu o doador compatível... Mas Aquele que escreve o roteiro do início e do final de nossa passagem por aqui, sabe qual é o melhor "desfecho" para cada um de nós, nesta existência; nossa visão de felicidade é muito, muito curta.

Mas, quem sabe... Talvez eu ainda possa ajudar outro alguém com a doação de mais alguns anos de vida.

Paz para você, Thaiana.

13 de abr de 2010

O que as mulheres querem (só para homens!)

Alerta: Assunto para homens adultos. Espere; pensando bem, só para adultos, já que algumas mulheres podem se interessar...
Repito: Tema ADULTO. Não digam que não avisei!


Vivemos dizendo que não entendemos as mulheres, e muitos motivos temos. Mas, na famosa hora do "vamos ver", algumas dicas - dadas por elas mesmas - podem deixá-las satisfeitas, enquanto ganhamos "A" no boletim de parceiro ideal.

Aperte o shift e clique no link abaixo para abrir o artigo em nova janela.

"O que as mulheres querem"

Fonte: Revista Maxim

12 de abr de 2010

O justo, o perigoso, a liberdade e a pimenta

A justiça novamente concede a liberdade a um indivíduo que representa perigo para a sociedade. Ele sai da cadeia e comete novas e mais graves atrocidades. Não foi a primeira vez, e infelizmente, não terá sido a última: isso tem se repetido com alguma frequência.

Talvez haja alguma mudança se - e quando - um ente querido desses impolutos magistrados vier a se tornar vítima direta do malfeitor.

Pimenta no * dos outro é refresco, já diziam os mais antigos.

Nota: Não falo do (ex) governador do DF, mas ele pode ser incluído no rol dos perigosos. No entanto, dificilmente Arruda atingirá alguém vinculado a justiça, já que parecem "alimentar-se no mesmo recipiente".

6 de abr de 2010

Jogadores do Santos, por razões “religiosas”, se recusam a visitar portadores de paralisia cerebral.

“Alguns jogadores do Santos se recusaram a entrar no Lar Mensageiros da Luz, que atende crianças, adolescentes e adultos portadores de paralisia cerebral e outras deficiências, para doar ovos de Páscoa, por razões religiosas. (...) O problema todo aconteceu por conta de uma parte do grupo (Neymar, Robinho, Ganso, André, Marquinhos, Léo, Fábio Costa, dentre outros), que por ter outros tipos de orientação religiosa, se recusou a entrar no local da visita, uma instituição que segue a doutrina espírita.” (Fonte: Yahoo! Esportes)

Nota: A visita já estava programada, e a recusa aconteceu na porta da instituição.

Errar é humano; quem de nós nunca recuou num lugar ou numa hora errada?
Mas é importante reconhecer o erro e seguir adiante. "Vá, e não peques mais", disse Jesus à mulher adúltera; e na parábola do bom samaritano, do mesmo Jesus, quem garante que os que passaram pelo homem ferido na estrada e não o socorreram - ao contrário do samaritano - não tiveram mais tarde seu momento de arrependimento?
Qual o medo? De deixarem de ser evangélicos, de atrair a ira de Deus ou de serem mal-vistos pelos irmãos de crença?
Respostas afirmativas a quaisquer destas perguntas, são sinais de falta de esclarecimento, imaturidade, e/ou falta de fé, ante a possibilidade da entrada num templo de outra religião diferente daquela que adotamos. E se esta religião segue os ensinos de Jesus, é bom lembrar que Ele entrou em muitos lugares “estranhos” para atender aos mais necessitados, e lembrava aos seus seguidores que estes poderiam fazer o mesmo – e estes, não eram santos (muito menos santistas!), na ocasião.

1 de abr de 2010

Relacionamentos (autoria atribuída a Arnaldo Jabor)

Recebi num momento bem oportuno, e compartilho com vocês, meus fiéis (será?!) leitores.

Relacionamentos


Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.

Detesto quando escuto aquela conversa:
- Ah, terminei o namoro...
- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... que pena... acabou...
- é... não deu certo...

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.

Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos essa coisa completa.

Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.
Tudo junto, não vamos encontrar.

Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.
Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.

E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini (no meu caso, um chopp), por favor... e vá dar uma volta.

Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer.

Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não.

Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto.

Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?

O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós.

Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.

Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?

Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.

E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.

Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.

Na vida e no amor, não temos garantias.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear.
E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar...

Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ????

Arnaldo Jabor