23 de nov de 2010

Todos pedindo paz... Mas há pouca gente disposta a oferecer.

Considerando mais um momento conturbado em nossa maravilhosa cidade, refleti:
Fica todo mundo pedindo paz, esperando que ela venha de Deus e/ou dos homens. Sem considerarmos a questão religiosa, que é mais complexa, resta verificar o que podemos fazer por nós mesmos. 
Não adianta cobrar e esperar dos outros que façam ou promovam a paz; ela não é algo que vem de fora, de algo ou de alguém, para nos invadir o coração; muito pelo contrário, ela vem de dentro: ela deve partir de cada um de nós, através de nossos pensamentos, de nossas atitudes e de nossas palavras, e invadir os corações alheios, invadir o bairro, a cidade, o estado, o país... o planeta. Se a gente se lembrar disso e se esforçar por isso, vencendo nosso egoísmo, aí ela vai aparecer.
Só assim será Paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário. Concordando ou não com ele, provavelmente nos será útil, de alguma forma.