18 de jun de 2010

Pra não dizer que não falei da Copa... Parte 3: Os "poderosos" europeus e a imprensa brasileira

Alguns locutores e comentaristas brasileiros, "papagaios" dos seu colegas europeus, ficam desesperados com os tropeços das favoritas à Copa, já que todas as tentativas de elogios durante as transmissões dos jogos do Mundial sucumbem diante das imagens e dos resultados. As poderosas Alemanha, Inglaterra, Espanha e França (eu já sabia!) não são os bichos papões que eles diziam (e ainda insistem em dizer!).
Um locutor de uma emissora de TV paulista torceu descarada e deseperadamente para os ingleses contra a Argélia, durante a narração do jogo. Talvez mais pelo temor do descrédito diante de seu público. É nisso que dá repetir o que os outros falam.

2 comentários:

  1. "Não existe mais time bobo". Ah, o futebol, caderno de esporte só perde pro caderno de cultura.

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário. Concordando ou não com ele, provavelmente nos será útil, de alguma forma.